Mãe Cura Doença De Pele Da Filha Mudando A Alimentação Da Família

Maquiagem Passo A Passo Como Fazer Make Claro E Bonitas

Quem é mãe sabe que se faz qualquer coisa na saúde e pelo bem-estar dos filhos, não é mesmo? Para curar uma doença de pele crônica da filha mais velha, Maya, de nove anos, a fotógrafa polonesa Ullenka Kaczmarek mudou a alimentação e o estilo de vida da família inteira. A doença de pele de Maya, aliás, se tratava de eczema, uma doença crônica.

Advertisement

Frequentemente a criança tinha a pele marcada por irritações de cor avermelhada, com pequenas bolhas, que apareciam em todo o organismo e causavam desconforto, coceira e inchaço. Os pais da criancinha já estavam desesperados com o problema quando descobriram que a alimentação, no caso dela, poderia ser o grande responsável pelas irritações. Depois de um longo tempo de adaptação, a família inteira abandonou tudo que é comprado pronto e que não é natural e passou a se alimentar de frutas e vegetais crus. Somente uma parte muito pequenas de seus alimentos são cozidos. No filme abaixo, aliás, você inspecionar um pouco mais da mudança na pele de Maya e da nova alimentação da família.

Sobre a transformação da família e a melhora incontestável da doença de pele de Maya, Ullenka escreveu um post no Facebook informando como tudo ocorreu. ], e pronta pra regressar aos medicamentos pra que Maya tivesse um alívio. Deste jeito, achei uma comunidade vegan no Instagram e aprendi a respeito do tratamento de doenças do tipo seguindo uma dieta de pequeno carboidrato”.

Advertisement
  • Eu e o Roller Derby: Esporte, patins, maneira e hematomas - Conheça! | Acorda, Atraente! falou
  • 50 ml de óleo Produtos Para Limpeza De Pele Veganos E Mais
  • Acostume-se com outra ocorrência — perder cabelo é normal
  • 8 Sugestões que farão tuas unhas ficarem longas e boni

Em Mendoza só se bebe malbec? Grande divisão das visitas a vinícolas permite tentar não só exemplares de malbec, como uma diversidade de outras cepas. Uma gama ampla de uvas se adaptou bem à Festas Juninas São capazes de Adiar Enfrentamento Com Janot, Teme Governo . A uva bonarda, que era utilizada pra produzir vinhos em enorme volume, contudo de baixa propriedade, vem sendo trabalhada por bodegas como a Casa Vigil pra ceder melhores resultados.

Advertisement

Cabernet franc, petit verdot, viognier, chardonnay, cabernet sauvignon, syrah e diversas algumas são capazes de aparecer nas tuas degustações. Mendoza não é só malbec. E nem só vinho tinto. Aproveite e faça outras descobertas! Foi pela zona de Maipú que a elaboração vitivinícola começou em Mendoza. Com a manutenção de prédios históricos e conservação de antigos maquinários, várias bodegas ajudam a resgatar essa história. Dermaview Analisador De Pele Com Claridade De Wood na localidade a cultura de vinícolas pequenas e familiares, que não conseguem faltar no seu circuito.

A Trapiche é uma das maiores bodegas da Argentina, com 135 anos de idade e exportação pra mais de 90 países. Se instalou em Maipú há um pouco mais de dez anos, num prédio de 1928, de uma antiga vinícola que pertencia a imigrantes italianos. O mais divertido da visita é pontualmente o porte histórico, combinado com o visual dos vinhedos e plantações de oliveiras. No restaurante Espacio Trapiche, extenso quota dos ingredientes vêm da própria horta. A Alandes será nosso segredinho: é uma bodega de criação pequeníssima, instalada num galpão centenário.

Share This Story

Get our newsletter